Centro de Saberes, núcleo de aprendizagem transversal

Ulisses Riedel de Resende

Possui uma trajetória de vida tão intensa e repleta de vitórias quanto à empresa que representa. Sua formação jurídica teve início na Universidade Mackenzie, em São Paulo, no ano de 1955, e conclusão na Faculdade de Ciências Jurídicas, em 1959, após sua transferência para o Rio de Janeiro. Sua opção pela advocacia trabalhista e de servidores públicos o levou a atender sindicatos em todas as instâncias. Em 1967, iniciou suas atividades como professor universitário lecionando Direito do Trabalho na Faculdade de Direito da Universidade Gama Filho, em 1971, para a capital federal, onde continuou a transmitir seus conhecimentos no Centro de Ensino Unificado de Brasília. Desde então, foi homenageado por diversas turmas de formandos, como paraninfo e patrono, chegando inclusive a ter o seu nome imortalizado por uma delas, a Turma Ulisses Riedel de Resende, de 1977. Nesse mesmo ano recebeu uma grande homenagem na Turma Sesquicentenário da Fundação dos Cursos de Direito no Brasil. A convite do Governo Norte Americano, Ulisses Riedel esteve duas vezes nos Estados Unidos para estudar a organização sindical daquele país, e mais tarde, com o mesmo objetivo, fez uma viagem de estudos para o continente europeu. Em 1983 fundou o DIAP – Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar. Uma entidade suprapartidária que acompanha os interesses dos trabalhadores e servidores públicos no Congresso Nacional e que já conta com mais de 900 sindicatos filiados. Com a bagagem de quem fez centenas de palestras e conferências, tanto em encontros de trabalhadores como nos congressos de advogados, procuradores e magistrados, representou os trabalhadores em uma comissão criada durante o Governo Figueiredo para a elaboração de um Código de Processo do Trabalho foi membro do Conselho Nacional do Trabalho e participou do Fórum Nacional do Contrato Coletivo, realizado na gestão do então presidente Itamar Franco, sendo membro associado da Câmara Americana de Comércio. Foi Conselheiro da OAB durante nove anos. Entre outras honras, Ulisses Riedel já recebeu o título de Cidadão Honorário de Brasília em 2002, o Diploma de Comendador da Ordem do Mérito Judiciário do Trabalho, do Tribunal Superior do Trabalho, a Ordem do Mérito do Congresso Nacional, o prêmio Helder Câmara de Imprensa, concedido pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e chegou, inclusive, a ocupar o cargo de Senador da República, em 2003. Seu nome assina diversas publicações sobre questões jurídicas e seu conhecimento o coloca, sem dúvida alguma, entre as maiores autoridades em relações trabalhistas do país.