28 jun
  • Por Administrador

USP testa aplicativos para ajudar mães com depressão pós-parto

Quando se fala em depressão pós-parto, o Brasil é um dos campeões nas estatísticas.

Uma pesquisa da Fundação Oswaldo Cruz revela que uma em cada quatro mães de recém-nascidos no país são diagnosticadas com a doença.

Mas essa realidade pode mudar, graças a dois aplicativos que estão sendo desenvolvidos pela Universidade de São Paulo.

Batizados de Motherly e COMVC, eles fazem parte de um ensaio clínico criado para testar as ferramentas contra a depressão pós-parto. Confira a matéria completa no Canal do Youtube.

Deixar um Comentário