27 mar
  • Por União Planetária

Boas ações e voluntariados abrilhantam a saúde contra o novo coronavírus no Brasil

por Águida Leal | sob supervisão de Janaína Vieira

Há sete dias o médico Pedro Henrique de Morais iniciou uma campanha em seu instagram para arrecadar doações de equipamentos para atendimento de pacientes com o coronavírus. A iniciativa estimulou 40 pessoas a se tornarem voluntárias.

O convite foi feito em uma publicação, onde o residente do Hospital Universitário de Brasília conseguisse atingir possíveis doadores. Alunos de engenharia, pesquisadores  e demais profissionais se reuniram e criaram o Brasília Maior que o Coronavírus (BMC), onde disponibilizaram uma vaquinha online para compra de produtos que auxiliem na produção de máscaras faciais.

Para ingressar no time de voluntários, a equipe procura quem possua impressora 3D para fazer máscaras que protejam o rosto todo, face shields. Segundo profissionais da saúde, esta é melhor que as utilizadas nos hospitais por protegerem os olhos.

O motivo desta colaboração é, principalmente, pela crescente busca por produtos que não estão sendo encontrados. Segundo o médico, cerca de 189 máscaras foram produzidas em 4 dias pelos 40 voluntários.

Atitude similar foi tomada no estado da Bahia, onde universidades e escolas técnicas de saúde se reuniram para produzir o mesmo equipamento. Todos os produtos feitos estão sendo doados para hospitais públicos.

Deixar um Comentário