16 jun
  • Por Administrador

Você pode, Brasília pode, Nós podemos

O Núcleo Nós
Podemos Brasília realizou nesta segunda (15) o Seminário de Mobilização em prol
dos ODM em parceria com a Escola da Defensoria Pública do Distrito Federal e
com a Secretaria Geral da Presidência da República.

“O objetivo
do Seminário de Mobilização ODM é de mobilizar e articular núcleos regionais no
território do DF” salientou a Secretária Executiva do movimento Nós Podemos
Brasília, Mayane Burti, também colaboradora da União Planetária.

Durante o
seminário, realizado no auditório da Escola da Defensoria Pública do DF, no
prédio Venâncio 2000,  a secretaria do
movimento apresentou aos membros de instituições e sociedade civil presentes os
ODM’s e a ferramentas de construção de um núcleo regional, além de alguns indicadores
do DF.

Vale
lembrar que o Movimento Nacional pela Cidadania e Solidariedade é voluntário
apartidário, ecumênico e plural do Brasil e tem como missão mobilizar e
articular todos os setores da sociedade para alcance dos Objetivos de
Desenvolvimento do Milênio até 2015. O movimento iniciou-se na cúpula mundial
da ONU no ano 2000, com a primeira edição do prêmio ODM em 2004 e lançamento do
movimento com uma campanha publicitária e a partir de 2006 foram organizados os
núcleos Nós Podemos Estaduais.

Os participantes puderam
conferir sobre os indicadores do DF e o cumprimento das metas do milênio. O ODM
1 que tem como metas reduzir pela metade, até neste ano, a proporção da
população com renda abaixo da linha da pobreza e a proporção da população que
sofre de fome, foram cumpridas, com percentuais de 6,7% e 86,1% respectivamente
além da meta que era de 100%. Por outro lado, o ODM 2 tem como meta garantir
que, até 2015, todas crianças, terminem o ensino fundamental, alcançou apenas
64,7% da meta.

Esse percentual da educação sobre a
realidade do Distrito Federal em relação ao grau de instrução também foi refletido negativamente por pesquisa
realizada pela Codeplan, o PDAD – Pesquisa Distrital por Amostra de Domícilio
do DF, que apresenta resultados gerais das características socioeconômicas da
população do DF. A pesquisa revela que quanto ao nível de escolaridade dos
residentes no Distrito Federal, 29,67% dos moradores informaram ter o ensino
fundamental incompleto, enquanto 17,27% têm formação superior, incluindo curso
de especialização, mestrado e doutorado.

Deixar um Comentário