20 out
  • Por Administrador

SES OFERECE ATENDIMENTO EM SAÚDE BUCAL PARA GESTANTES

As gestantes que fazem pré-natal nas unidades básicas da Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES/DF), contam com atendimento dentário de  equipes de saúde bucal, que realizam ações de prevenção e tratamento de doenças como cárie e a gengivite.

No Centro de Saúde 06 do Gama, a equipe de saúde bucal atende cerca de 30 gestantes por mês. Segundo o gerente da unidade básica, odontólogo Márcio Koschaka, é muito importante que as futuras mamães tenham no período da gestação uma boa higienização dos dentes e das gengivas, pois um bom estado de sua saúde bucal tem influência direta com a saúde geral e bucal do bebê.

Para Márcio, quanto mais cedo a grávida iniciar o pré-natal no centro de saúde, logo terá a oportunidade de se consultar e obter informações importantes do cirurgião dentista e de um nutricionista. “Se durante a gravidez a gestante necessitar de tratamento odontológico por causa de dor, sangramento nas gengivas e inchaço, não há contra-indicação, porém o ideal é que o tratamento seja feito entre o terceiro e o sexto mês de gravidez”, destaca Márcio.

Gestante de sete meses, Suelen Bezerra de Araújo Brandão, de 23 anos, relata que começou o tratamento no primeiro mês de gravidez. A agente de saúde constatou, na visita que fez em minha casa, que eu estava com muitas cáries. Informei a ela que sentia dor de dente e ela me encaminhou para o tratamento dentário. Os profissionais me orientaram sobre como fazer a escovação de forma correta, que tipo de escova usar. Nesses seis meses de tratamento melhorei muito e agradeço a dedicação de toda a equipe”, disse ela.

“É preciso esclarecer mitos que envolvem a saúde bucal de mulheres grávidas, como a idéia de que a gengiva sangra muito e os dentes estão fracos porque tomou muitos antibióticos na infância. A gravidez por si só não causa maiores sangramentos na gengiva, o que acontece é que a gestante passa a comer com maior freqüência e se descuida da escovação. Os antibióticos, de modo geral, não enfraquecem os dentes. O que é preciso evitar é o medicamento tetraciclina, porque ele pode vir a causar manchas escuras nos dentes do bebê”, esclareceu o odontólogo.

Na gestação ocorrem alterações no organismo feminino como a perda de cálcio, já que a mãe libera o mineral para a formação do feto e a falta ou insuficiência da substância ocasiona o enfraquecimento dos dentes durante a gravidez. Segundo Márcio, “é necessário que neste período a gestante faça uma boa higienização dentária, não se esqueça de usar o fio dental antes da escovação e tenha uma alimentação saudável, que inclua todos os grupos de alimentos ricos em minerais, como ferro e vitaminas que podem ser encontrados nos vegetais verdes escuros e feijões, bem como evitar os alimentos com alto teor de açúcar.

Deixar um Comentário